Homem que tentava obter benefício do INSS com documentos falsos é preso em flagrante

 
Um homem que portava documentos falsos e tentava restabelecer um benefício de amparo social ao idoso foi preso em flagrante, na quarta-feira (6), em Goiânia (GO). Ele foi detido na Agência da Previdência Social (APS) Goiânia – Centro pela Polícia Militar. Os agentes policiais verificaram que o suspeito estava acompanhado de mais três pessoas, e todas foram conduzidas à Superintendência de Polícia Federal em Goiás.
 
Segundo a Secretaria da Previdência, no sistema de agendamento do INSS, constatou-se também que havia o requerimento de um novo benefício em nome de outra pessoa, ainda que a foto do suposto beneficiário e a do homem detido fosse a mesma.
 
A ação possibilitou a identificação de prejuízo de R$ 1.274,00 decorrente de pagamento indevido feito antes mesmo da suspensão do benefício. Se o restabelecimento tivesse tido êxito, o prejuízo futuro poderia alcançar R$ 42.000,00, considerando-se a expectativa de vida do beneficiário, conforme tabela de mortalidade do IBGE.
 
A ação contou com a participação da Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária (COINP) da Secretaria de Previdência do Ministério da Economia e com a cooperação do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).
 


Vídeos

Apoiadores